O que é transformação digital na educação?


O digital já foi incorporado em diversos setores da sociedade e vem sendo integrado cada vez mais na educação devido aos benefícios que proporciona e à adequação da escola às tendências tecnológicas. Confira no post de hoje como a transformação digital acontece na educação.

O que é transformação digital na educação?

A transformação digital na educação consiste no aperfeiçoamento das práticas pedagógicas com a utilização de recursos digitais, uma tendência que integra a tecnologia ao ensino e à aprendizagem.

Para atender as novas gerações, habituadas à tecnologia e aos recursos digitais integrados ao cotidiano, as escolas precisaram se adaptar ao estilo de vida atual e transformar o modo de ensinar – o modelo tradicional de educação não é compatível com o modo de aprender dos alunos na atualidade.

Para se adequar a essa transformação social, é necessário incluir a tecnologia no currículo escolar em todas as áreas do conhecimento, a fim de desenvolver habilidades e competências que atendam as demandas profissionais e pessoais na era digital.

Os recursos digitais facilitam as atividades humanas e estão em constante aperfeiçoamento, portanto os alunos precisam aprender a utilizá-los desde cedo e acompanhar sua evolução.

Desse modo, integrar as tecnologias digitais ao processo de ensino e aprendizagem permite uma formação integral e alinhada ao progresso e à evolução da sociedade por meio da tecnologia.

Os alunos saem da escola preparados para atuar na vida pessoal, profissional e social utilizando os recursos digitais para otimizar suas práticas e contribuir para a evolução constante da tecnologia e dos benefícios dela.

A transformação digital na educação já é uma realidade e precisa ser efetivamente concretizada no processo de ensino e aprendizagem, pois já está integrada às diretrizes educacionais, compondo as competências gerais da BNCC de“Cultura Digital”, que define o que os alunos precisam aprender durante a Educação Básica sobre as tecnologias digitais:

Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva” (BNCC, 2018, p. 9).

O que é transformação digital na educação?

Como ocorre a transformação digital na educação?

A base do processo da transformação digital na educação são as Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDICs), conjunto de tecnologias digitais que integra pessoas e cria um ambiente virtual de comunicação e transmissão de informação, também conhecido como mídia.

As tecnologias digitais são computadores, celulares, tablets, lousa digital, televisão, projetores etc., e as mídias digitais são redes sociais, aplicativos, sites, softwares, jogos e afins.

A tecnologia digital é um conjunto de tecnologias que permite a transformação de qualquer linguagem ou dado em números, ou seja, as imagens, os sons e os textos que visualizamos na tela do computador, por exemplo, são transformados em números lidos por dispositivos que os convertem naquilo que vemos ou ouvimos em nosso aparelho eletrônico.

Isso permite descentralizar a informação, aumentar a segurança de uma série de dados fundamentais e criar outras tecnologias, além de tornar mais prático o uso de dispositivos.

Desse modo, é possível potencializar o processo de ensino e aprendizagem com o uso de tecnologias e mídias digitais, pois ampliam o acesso a informações e oferecem diferentes canais de comunicação.

A BNCC incentiva a modernização dos recursos e das práticas pedagógicas por meio da tecnologia digital, a fim de formar estudantes com conhecimentos e habilidades considerados essenciais para o século XXI.

Utilizar tecnologias digitais da informação e comunicação no processo de ensino e aprendizagem proporciona mais autonomia aos alunos, pois possibilita a busca ativa por conhecimentos e amplia a comunicação.

As TDICs também permitem diferentes formatos de ensino, por exemplo híbrido, a distância e sala de aula invertida, bem como metodologias ativas, cultura maker, gamificação e realidade aumentada.

Com a transformação digital na educação, surgem também as tecnologias disruptivas para inovar os recursos já existentes ao propor novidades para aperfeiçoar e substituir o que já existe por algo melhor – uma versão mais evoluída.

As tecnologias disruptivas na educação pretendem utilizar recursos digitais mais avançados no processo de ensino e aprendizagem, por exemplo:

  • Internet das coisas: refere-se à interconexão digital de objetos cotidianos com a internet, o que permite a reunião e a transmissão de dados para otimizar os processos, ou seja, todas as coisas passam a estar conectadas à rede.
  • Experiências imersivas: oferece uma experiência real por meio de recursos digitais com a interação do usuário, como projeção, realidade virtual e aumentada.
  • Cloud Computing: arquiva informações e conteúdos na internet, os quais podem ser acessados de diferentes lugares e dispositivos.

O que é transformação digital na educação?

Como aplicar a transformação digital na educação?

Para utilizar as TDICs de maneira adequada no processo de ensino e aprendizagem, as competências básicas são:

  • Informação: saber utilizar as ferramentas de busca de informações na esfera digital e ter a capacidade de filtrar essas informações.
  • Operação: utilizar com destreza os recursos digitais, como aparelhos, aplicativos, softwares e internet.
  • Interação: dispor de uma comunicação assertiva no âmbito digital, de modo a estabelecer uma boa relação com os demais usuários.

Para a transformação digital na educação se concretizar e trazer benefícios reais ao processo de ensino e aprendizagem, os alunos precisam passar pelo letramento digital.

O letramento digital consiste na análise, interpretação, compreensão, leitura e escrita de informações digitais, com base em conhecimentos, habilidades e atitudes relacionados ao uso dos recursos digitais com proficiência, às práticas socioculturais, aos sentidos e às reflexões sobre a humanidade e o uso de tecnologia.

Além disso, esse tipo de letramento permite o uso adequado das tecnologias digitais de informação e comunicação, tanto no processo de ensino e aprendizagem quanto nas práticas sociais.

Para desenvolver o letramento digital nos alunos, o Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB) elaborou um Currículo de Referência em Tecnologia e Computação para as escolas trabalharem em sala de aula. Os conteúdos desse currículo estão organizados conforme os tópicos a seguir.

1.    Cultura digital

Refere-se às relações humanas mediadas pelas tecnologias e comunicações digitais. Para desenvolvê-la, é preciso abordar os seguintes conhecimentos, habilidades e competências:

  • Letramento digital: modos de ler e escrever em contextos digitais.
  • Cidadania digital: uso responsável da tecnologia.
  • Tecnologia e sociedade: avanços das TDICs e o significado disso para as pessoas.

2.    Tecnologia digital

Aprendizagem do conjunto de conhecimentos relacionados ao funcionamento dos computadores e de suas tecnologias, em especial as redes e a internet. Para os alunos dominarem a tecnologia digital, precisam ser abordados em sala de aula os seguintes conceitos:

  • Representação de dados: refere-se às diferentes formas de representar informações na esfera digital.
  • Hardware e software: compreendem o funcionamento dos computadores e seus componentes.
  • Comunicação e redes: abordam os fundamentos conceituais para compreender as redes e a internet.

3.    Pensamento computacional

Considerado um dos pilares do intelecto humano na atualidade, trata-se da capacidade de resolver problemas com os conhecimentos e as práticas da computação, por meio da sistematização, representação, análise e resolução de problemas. Para tanto, os alunos precisam desenvolver habilidades e competências de:

  • Abstração: filtrar e classificar dados para resolução de problemas.
  • Algoritmos: construir orientações para resolução de problemas.
  • Decomposição: dividir problemas complexos em partes menores para facilitar sua solução.
  • Reconhecimento de padrões: identificar padrões entre problemas para encontrar uma solução.

Em sala de aula, o professor deve atuar como mediador entre os alunos e as TDICs e promover reflexões sobre o uso consciente dessas tecnologias e explorar suas possibilidades.

A escola precisa oferecer acesso a essas tecnologias e promover a inclusão digital, bem como trabalhar um currículo que contemple os conhecimentos, as habilidades e as competências para utilizar o digital no processo de ensino e aprendizagem.

Entre as práticas atuais mais utilizadas na educação e que devem ser ampliadas para integrar os alunos ao mundo digital estão:

  • Livro digital – os conteúdos trabalhados em sala de aula disponibilizados no formato digital, incluindo elementos interativos, como animações, infográficos, vídeos, quebra-cabeças e jogos;
  • Gamificação – utilizar jogos digitais para ensinar e abordar os conteúdos de maneira interativa com princípios dos games, como atingir objetivos e alcançar pontos;
  • Realidade aumentada – projeção gráfica digital dos conteúdos trabalhados, o que permite aos alunos entrarem em contato e interagirem com um objeto real em imagem 3D;
  • Ambiente virtual de aprendizagem – plataforma digital com conteúdos integrados ao currículo escolar que oferece videoaulas, atividades, canal de comunicação, e-books e tantos outros recursos;
  • Aplicativos – oferecem diversas possibilidades para apoiar a aprendizagem, como jogos e simulados sobre os conteúdos abordados em sala de aula;
  • Ensino híbrido – os alunos podem aprender em sala de aula e em casa utilizando o ambiente virtual de aprendizagem e materiais digitais;
  • Movimento maker – os alunos desenvolvem materiais digitais, como softwares, aplicativos, blogs, vídeos e imagens.

___________________________________________________________________

O SAE Digital acredita que a educação transforma o mundo e quer transformar a educação por meio da tecnologia. Para isso, desenvolve soluções educacionais com produtos e serviços, como os recursos citados no texto, que promovem a transformação digital na educação.

Quer promover a transformação digital na educação em sua escola? Então fale com um assessor do SAE agora mesmo!

Acompanhe o blog para mais informações! Visite nossas redes sociais também!

Catálogo 2023


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessos