Avaliação no ensino a distância? Confira dicas essenciais!

Em tempos de restrição à circulação de pessoas e de busca por medidas para manter, nesse cenário, a educação em funcionamento, pensar nos processos de avaliação da aprendizagem no ensino remoto é tão importante quanto as demais etapas de preparação e execução das aulas remotas.

Tudo começa com uma boa adequação do plano de aula, seguida pela preparação das videoaulas e, por fim, a seleção de conteúdos qualificados, como os que o SAE Digital está disponibilizando para escolas de todo o Brasil. Confira aqui como a gente pode ajudar sua escola com o ensino remoto.

Mas todo esse trabalho pode não alcançar o efeito desejado se o aprendizado das crianças não estiver sendo acompanhado e avaliado de maneira correta. Em meio a esse panorama inesperado e inédito para a maioria dos profissionais da Educação Básica, é normal surgirem muitas dúvidas.

Conversamos com a Bianka Silva, gerente de avaliações dos produtos do SAE Digital com mais de 10 anos de experiência na área da Educação, e preparamos este artigo elencando alguns pontos de reflexão e orientação. Vamos explorá-los?

Avaliação no ensino a distância como um processo

Antes de mais nada, é fundamental que tenhamos o entendimento de que a avaliação é um processo amplo e que possui suas especificidades e delicadezas. De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, a verificação do rendimento escolar deve se basear na avaliação contínua e cumulativa do desempenho do aluno.

Além disso, esse documento preconiza a prevalência dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos e dos resultados ao longo do período sobre os de eventuais provas finais. Dessa forma, atribuir nota aos nossos alunos é a atitude resultante de um processo que abrange todo o ciclo de aprendizagem, ou seja, em sentido amplo, a avaliação é um processo transversal às práticas educacionais.

Use instrumentos variados de avaliação no ensino a distância

Para que esse acompanhamento do aprendizado e as avaliações sejam coerentes e adequadas, principalmente quando falamos de educação a distância, é imprescindível que esse processo seja vivenciado por professores e alunos no dia a dia escolar. A dica para os educadores aqui é variar o máximo possível os instrumentos pelos quais avaliam os seus alunos no ensino a distância.

Assim, o ideal é que ao longo do período planejado, que pode ser bimestral, trimestral ou semestral, sejam realizadas provas objetivas, discursivas e orais, bem como provas com consulta e sem consulta, além de seminários, observações a participações e autoavaliações, dependendo da maturidade e faixa etária da turma.

Tendo isso em mente, podemos concluir que a avaliação é também um processo formativo, ou seja, deve existir de forma integrada à prática pedagógica, no intuito de contribuir e retroalimentar o desenvolvimento das competências dos alunos. É a partir dela que se mapeiam conhecimentos e habilidades consolidados e a consolidar, e se revisa e redireciona o ensino.

Dicas de materiais e soluções avaliativas

Como pudemos observar, a avaliação é um processo amplo, formativo e transversal. E mesmo que as condições atuais imponham o isolamento social e o ensino a distância, o processo avaliativo, assim como o todo das práticas pedagógicas, precisa continuar sendo realizado mesmo com o distanciamento de professores e alunos da escola.

Mas como fazer isso de maneira organizada e eficiente? Para você, professor que atua em escola conveniada, aí vão alguns materiais que o SAE Digital oferece e novas soluções que passou a oferecer devido à proliferação do Covid-19.

1.   Educação Infantil

  1. É você quem faz: seção do nosso material didático na qual a criança realiza uma atividade para registrar algo que viu ou ouviu.
  2. Fazer arte: seção em que o aluno realiza atividades para o desenvolvimento de sua sensibilidade estética por meio das linguagens artísticas.

2.   Ensino Fundamental – Anos Iniciais

  1. Conversa vai… conversa vem…: seção em que alunos e professor se reúnem para falar sobre o que já aprenderam. Nesse caso, sugerimos que se faça uma videochamada com a turma.
  2. Mão na massa: atividades cujos temas contemplam conteúdos já estudados.
  3. Agora você já sabe: seção em que estão disponíveis tarefas de revisão.

3.   Ensino Fundamental – Anos Finais

  1. Desafio SAE Teens On-Line: especialmente durante a pandemia, o SAE Digital está oferecendo a aplicação digital dessa prova. O calendário contempla o período de 22/04/2020 a 07/05/2020, e as escolas terão três opções de datas de aplicação para cada ano de escolaridade.
  2. Desenvolver e aplicar: atividades investigativas para serem resolvidas individualmente.
  3. Mapas conceituais: estrutura esquemática em que o aluno deduz como preencher campos em branco por meio da análise dos campos já preenchidos.

4.   Ensino Médio e Pré-Vestibular

  • Simulado Enem On-Line: a aplicação começou em 15/04/2020 e vai até 10/05/2020.
  • Simulados de Ensino Médio: especialmente durante a pandemia, o SAE Digital está oferecendo a aplicação digital dessas provas. O calendário contempla o período de 23/04/2020 a 08/05/2020, e as escolas terão três opções de datas de aplicação para cada ano de escolaridade.
  • Questão comentada: atividades em que há um QR Code para que o aluno, após fazer a questão, acesse um vídeo com sua resolução comentada.

Além dessas sugestões, pesquise outros materiais disponíveis em nossos recursos físicos e digitais que podem ser usados com finalidade avaliativa.

Avaliação no ensino a distância: entregas de maneira qualitativa

É válido destacar que não devemos nos ater a um processo avaliativo pautado apenas na atribuição de notas de 0 a 10. Esse modelo já foi usado, mas há muito tempo não é o mais adequado. O contexto do ensino-aprendizagem é cheio de especificidades, que precisam ser observadas constantemente, especialmente no modelo de avaliação no ensino a distância.

Ao invés de atribuir notas baseadas em índices de acertos e erros, avalie as entregas das tarefas da mesma forma que sempre avaliou as atividades de casa, ou, se possível, faça uma videoconferência após a realização de tarefas para que os estudantes compartilhem o que estudaram e para que você possa usar como instrumento avaliativo.

A verdade é que sempre houve uma fração do tempo de estudo vivenciada em casa, a diferença agora é que esse tempo é integral até que a situação de pandemia passe. Assim, as grandes dicas são usufruir da experiência que já temos em gerenciar tarefas de nossos alunos em casa, aprender com o que esse cenário temporário nos impõe e usar e abusar das novas tecnologias, para promover uma aproximação virtual com os estudantes.

Continue estudando e se aperfeiçoando

Para ajudar gestores e educadores a encontrarem as melhores práticas e caminhos para conduzir o aprendizados dos seus alunos nesse período de quarentena, temos publicado e planejado uma série de conteúdos.

Além do webinário completo com a Bianka Silva sobre a necessidade da avaliação no ensino a distância, antecipada pelo novo Coronavírus, temos uma programação recheada de temas pertinentes para o momento de suspensão das aulas, e você confere essa programação especial clicando na imagem abaixo.

O valor da escola e a importância para alunos e famílias

 

Temos ainda algumas sugestões de leitura de outros artigos veiculados aqui no nosso blog. Confira:

E que tal ter acesso gratuito a ferramentas que podem ajudar no ensino a distância?

Pensando nas necessidades e possíveis dificuldades das instituições de ensino privadas com a suspensão das aulas, o SAE Digital está oferecendo o acesso gratuito a ferramentas especiais do seu sistema de ensino, voltadas ao EaD, para escolas selecionadas. Caso deseje saber mais sobre essa oportunidade, fale com um dos nossos especialistas!

O valor da escola e a importância para alunos e famílias

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessos