Blog

Férias escolares: Como montar um roteiro de atividades divertidas para fazer em casa nesse período

  • Christian Santos
  • 9 meses atrás
  • Atualizada em 22/11/2018
  • 4 min. de leitura
  •  
  • 46 visualizações

As férias escolares são muito aguardadas por estudantes de todas as idades. Se por um lado esse é um merecido período de descanso para os alunos, por outro, é preciso lembrar nem sempre os pais conseguem conciliar o recesso dos filhos com suas férias do trabalho e, nesse caso, escolher atividades divertidas para montar uma programação que preencha todo o tempo livre da criança em casa pode ser tornar um grande desafio. 

O fato de estar em férias não significa ficar sem fazer nada ou perder horas sem fim em frente à televisão ou ao computador, não é mesmo? E para garantir que o recesso escolar seja ativo, positivo e proveitoso para o aluno, você pode se planejar e sugerir um roteiro de atividades que facilite a vida das famílias, pais e responsáveis nesse período. Quer saber como montar uma programação de férias bem completa e divertida? Continue lendo esse post! 

1. Pesquise acontecimentos na sua região

Antes de mais nada, é importante realizar uma pesquisa para descobrir quais atividades acontecerão na sua cidade ou região no período das férias escolares. Nessa época, é bastante comum que alguns municípios promovam atividades culturais, esportivas e lúdicas para a comunidade infantil, como: museus, biblioteca pública, jogos, gincanas, clubes, teatros, cinemas, planetários etc.

As programações costumam ser bem variadas e divertidas, por isso vale a pena se informar e encaminhar as novidades para seus alunos. Organize uma grade intercalando atividades externas com atividades que podem ser realizadas nas casas dos alunos.

2. Inclua atividades ao ar livre 

Realizar atividades externas deixam o dia mais leve e é uma chance de fazer algo diferente. É também uma excelente oportunidade para deixar as crianças em contato com a natureza. Nessa ideia você pode sugerir passeios a bosques, caminhadas ecológicas, dar uma volta na praça, um piquenique no parque e até mesmo uma visita ao zoológico.

Além da proximidade com a natureza, esse tipo de passeio também é muito importante para que a criança interaja em brincadeiras com outras crianças, que certamente estarão nesses locais. Essas atividades também podem permitir que a criança aproveite o espaço para jogar bola, andar de bicicleta, soltar pipa e até para aprender o nome de algumas plantas e animais diferentes. 

Férias escolares: Como montar um roteiro de atividades divertidas para fazer em casa nesse período

3. Leve as crianças para a cozinha 

O tempo está escasso ou a grana está curta? Não tem problema! Nada melhor e mais divertido do que sugerir que a criança seja convidada especial para um dia produtivo na cozinha. Não precisa ser nada muito elaborado. Nessa atividade – com a supervisão de um adulto ou responsável – a ideia é de que a criança aprenda o passo a passo e participe do preparo da receita, que pode ser um bolo, biscoito, brigadeiro, pizza etc.

Ainda que isso renda um pouco de sujeira a mais na cozinha, para despertar o interesse e ser realmente diferente e divertido, o ideal é deixar que a criança coloque a mão na massa durante o preparo. 

4. Sugira dias divertidos em casa

Ainda nessa ideia de aproveitar melhor os dias em casa fazendo algo diferente, que tal sugerir a organização de uma festa do pijama para que a criança possa se divertir com os amigos mais próximos? A ideia é simples: basta escolher uma data, convidar os coleguinhas para passarem a noite, escolher alguns filmes, desenhos animados, jogos e claro, sugerir o preparo de algumas comidinhas e guloseimas para as crianças aproveitarem.

Além da diversão garantida, essa atividade promove uma interação positiva para fortalecer a amizade e o desenvolvimento dos pequenos. E aos pais, uma excelente oportunidade para conhecer melhor as companhias dos filhos. 

5. Envie o roteiro de atividades aos pais

Além de colaborar facilitando a vida dos pais e responsáveis no período de férias, a maior vantagem em oferecer sugestões de atividades ricas é promover aos estudantes a oportunidade de descobrir e vivenciar atividades simples que podem ser realizadas em casa e que apresentam um resultado bastante lúdico.

Essas são apenas algumas sugestões que poderão inspirá-lo a criar outras atividades divertidas. Após reunir todas as suas referências, pesquisas, ideias e sugestões de atividades, monte o roteiro completo e, dias antes do início das férias envie como sugestão aos pais e responsáveis e garanta uma programação cheia de alegria para seus alunos durante as férias! 

Quer algumas dicas de como se preparar para receber seus alunos na volta às aulas? Confira o nosso post sobre o assunto!

E aí, sua escola já tem algo organizado para as férias dos alunos? Conte para a gente suas ideias e deixe um comentário abaixo!

Tags

Christian Santos

Ver todos os artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *