Blog

Como orientar o uso do celular em sala de aula

  • Luis Gustavo Mendes da Silva
  • 1 ano atrás
  • Atualizada em 21/06/2018
  • 3 min. de leitura
  •  
  • 655 visualizações

Muitas escolas enfrentam problemas para limitar o uso do celular em sala de aula. Em algumas situações, é necessário chamar a atenção dos estudantes por conta do excesso de tempo que passam diante dos aparelhos – o que certamente prejudica o rendimento escolar.

Por outro lado, mais do que apenas controlar o uso do celular em sala de aula, é necessário repensar o conceito que temos dessa ferramenta e transformá-la em uma aliada no processo pedagógico, além de identificar a melhor maneira de orientar as crianças e adolescentes em relação ao uso. Vamos refletir juntos sobre esse assunto?

O uso do celular no Brasil

Primeiro, lancemos um olhar sobre o uso do celular e do acesso à internet em nosso país. Que tal propor, inclusive, que o professor de matemática faça uma análise desses dados com os alunos?

Um relatório sobre economia digital divulgado pela Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD)  aponta nosso país como quarto colocado no ranking mundial de usuários de internet. No Brasil já são mais de 120 milhões de pessoas conectadas, perdendo apenas para os Estados Unidos (242 milhões), Índia (333 milhões) e China (705 milhões).

Os aparelhos celulares se popularizaram muito nos últimos anos. Além disso, outra informação importante é que, segundo estudos recentes (Dados do IBGE), o acesso à internet por meio dos celulares já ultrapassou o acesso feito direto de computadores. Acesse o estudo completo do IBGE, os dados da ANATEL e as informações da Agência Brasil.

Redes sociais, transações bancárias, compras, mapas, diversão e entretenimento, além de uma infinidade de funções que os chamados smartphones passaram a desempenhar no cotidiano das pessoas, fez com que a sociedade criasse uma relação de dependência dos telefones móveis.

É aí que entra o papel da escola. Orientando e propondo o uso do celular como ferramenta  para o aprendizado. Para saber mais, confira as Diretrizes de políticas para a aprendizagem móvel da UNESCO

O uso do celular em sala de aula

Vamos pensar juntos em algumas  formas de ressignificar o uso do celular em sala de aula? Longe de oferecer uma receita pronta para isso, o intuito é de que sua escola reflita acerca da melhor forma de viabilizar esse exercício. Uma rápida busca na internet e encontramos alguns pontos positivos no uso do celular em sala de aula:

  • aplicativos para estudar idiomas;
  • tabela periódica interativa;
  • calculadora científica;
  • dicionários (língua portuguesa e línguas estrangeiras);
  • diversos jogos educativos;
  • aplicativos para testar conhecimentos;
  • jogos e atividades de história e geografia;
  • aplicativos com experiências científicas etc.

Que tal propor uma pesquisa, feita pelos próprios alunos, para identificar quais aplicativos melhor atendem ou ajudam no dia a dia da escola? Com certeza você vai se surpreender com o resultado.

Quer saber mais sobre Tecnologia Educacional, por que utilizar e como implementar na sua instituição de ensino? Leia o nosso super post e saiba tudo sobre o assunto!

Banner-1-Sistema-de-ensino

Tags

Luis Gustavo Mendes da Silva

Ver todos os artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *