Quais são os recursos financeiros disponíveis para ajudar as escolas na crise?

A disseminação do Coronavírus trouxe uma série de desafios e dúvidas para toda a sociedade, entre elas, a incerteza para o cenário econômico. Pensando nisso e como forma de minimizar os impactos financeiros do Covid-19, o governo formalizou algumas medidas de acesso a recursos financeiros para empresas e parceiros.

A disseminação do Coronavírus trouxe uma série de desafios e dúvidas para toda a sociedade, entre elas, a incerteza para o cenário econômico.  Frente a esta demanda, são necessárias medidas de enfrentamento para os mantenedores administrarem seus negócios durante este período. Vamos lá?

Como o SAE Digital pode ajudar a sua escola?

Estratégias para lidar com a crise financeira

As crises financeiras costumam ocorrer devido a má administração ou situações externas (como uma pandemia). Diante disso, muitos empresários optam por fechar seus negócios por não saberem lidar com a crise.

Momentos de crise requerem estratégias para serem revertidas e também para impulsionar um negócio. As principais medidas adotadas pelas grandes empresas são:

  • Identificar o problema: analisar especificamente onde ele se encontra, como o capital de giro, por exemplo.
  • Negociar dívidas: realizar propostas para quitação de débitos, seja com bancos, fornecedores ou funcionários.
  • Corte de custos: avaliar o que é desnecessário para o funcionamento da empresa, que pode ser dispensável.
  • Redefinir um plano de negócios: desenvolver metas e objetivos que visem uma estabilidade financeira bem estruturada.
  • Dobrar o esforço: se for identificado que o problema está no fluxo de caixa, por exemplo, deve-se estabelecer um controle mais rigoroso.
  • Marketing digital: divulgar os serviços da empresa que possam ser úteis durante a pandemia.
  • Recorrer à ajuda externa: se existir uma dificuldade muito grande para lidar com a crise, pode ser necessário um suporte especializado em consultoria especializada em gestão de negócios.
  • Utilizar linhas de crédito: o governo está disponibilizando recursos financeiros emergenciais para ajudar as empresas a continuarem funcionando.

A seguir, trazemos algumas medidas que já estão confirmadas:

Linhas de crédito

Como uma medida provisória, o Governo Federal criou o Programa Emergencial de Suporte a Empregos e disponibiliza uma linha de crédito de 34 bilhões para garantir o pagamento dos salários e evitar demissões durante a pandemia.

No momento, estão disponíveis 168 linhas de crédito, oferecidas por instituições públicas federais, bancos privados, cooperativas, agências de fomento e empresas simples de crédito e microcrédito.

O Sebrae elaborou uma coletânea contendo as principais linhas de crédito oferecidas pelas instituições financeiras do país, para oferecer opções de escolha de acordo com a necessidade de cada um. Vale a pena conferir!

As Instituições Financeiras do país têm ofertado esses recursos financeiros para ajudar as empresas a enfrentarem a crise, de modo a minimizar os impactos e manter seus negócios ativos. O benefício é destinado a empresas com receita anual entre R$ 360 mil e R$ 10 milhões. Para ter acesso ao crédito, é necessário estar vinculado a uma instituição financeira inscrita no Banco Central.

O BNDES é o agente financeiro da União responsável pelo Programa Emergencial de Suporte a Empregos, o qual visa repassar aos bancos o valor de 34 bilhões em recursos financeiros disponibilizados pelo Tesouro Nacional. No site do BNDES está disponível uma lista dos agentes financeiros credenciados e os que mais operam linhas de capital de giro e suas condições, além das instruções para fazer adesão ao programa.

 

Vantagens e benefícios dos recursos financeiros

Por se tratar de medidas emergenciais de enfrentamento à crise financeira na qual se encontra o país, as instituições financeiras têm oferecido crédito rápido e flexível para empresas de todos os portes.

O objetivo é amortecer o impacto financeiro sobre os empreendedores, a fim de contribuir com a manutenção dos empregos.

Finalidade das linhas de créditos

Cada linha de crédito apresenta uma finalidade específica que vai ao encontro da necessidade do empresário, e entre elas estão:

  • Prorrogação do vencimento das parcelas.
  • Capital de giro e investimentos.
  • Financiamento de empreendimentos.
  • Antecipação do valor das vendas da empresa com cartões de crédito.
  • Financiamento de todas as despesas de custeio, manutenção e formação de estoques, incluindo de salários, contribuições e despesas diversas.
  • Adquirir matéria-prima, insumos e estoque, ou suprir as necessidades imediatas de caixa.
  • Aumentar a competitividade de micro e pequenas empresas.
  • Cobrir eventuais deficits de caixa das microempresas e empresas de pequeno porte.
  • Renegociação de dívidas.
  • Financiar o ciclo operacional da empresa.
  • Antecipação de duplicatas, cheques e faturas de cartões de crédito.
  • Crédito para folha de pagamento (financiar até 2 meses da folha de pagamento da empresa).
  • Linha de crédito exclusiva para reorganização financeira de operações de crédito sem garantias, ajustando o fluxo de caixa da empresa para o equilíbrio financeiro.
  • Empréstimo visando à manutenção e/ou geração de empregos, além de redução de potencial perda de postos de trabalho.
  • Aquisição de bens e equipamentos, ou fazer pequenas reformas e ampliações.
  • Organizar despesas.

Quem pode solicitar os recursos financeiros?

  • Micro e pequenas empresas e empresários individuais.
  • Médias empresas com faturamento até R$ 90 milhões*.
  • Médias empresas com faturamento acima de R$ 90 milhões e até R$ 300 milhões (somente até 30/09/2020)*.
  • Grupos econômicos com faturamento até R$ 300 milhões (somente até 30/09/2020)*.

* Quando a empresa (beneficiária final) integrar um grupo econômico, a classificação do porte deverá considerar o faturamento geral do grupo.

 

O que pode ser financiado?

Empréstimos para manutenção ou geração de empregos com limite de R$ 70 milhões por ano (válido até setembro de 2020) podem ser financiados.

Como solicitar os recursos financeiros?

Existem várias maneiras para solicitar seu financiamento ou empréstimo. Confira a seguir:

  • Canal MPME: visa facilitar o acesso de pequenas empresas ao processo de obtenção de crédito do BNDES. É um ambiente no qual se pode navegar pelas opções e selecionar aquela que mais se adapta as suas necessidades. Ele é destinado a pessoas jurídicas ou físicas que sejam produtoras rurais, empreendedores ou transportadores de cargas.
  • Sites oficiais dos agentes financeiros.
  • Telefones oficiais.
  • Solicitar presencialmente na agência de sua preferência, em contato direto com a gerência.

Como o SAE Digital pode ajudar a sua escola?

Retomada financeira pós-pandemia

Diante da pandemia, surgiram alternativas para dar continuidade às atividades escolares em casa, com aulas on-line e tarefas repassadas por dispositivos digitais.

Especialistas acreditam que esse será o novo “normal” e teremos que nos adaptar a essa nova realidade usando-a a nosso favor. Além disso, as empresas terão que estar preparadas para a oferta de serviços que atendam a essa demanda. A educação a distância veio para ficar, e a tendência é que ela aumente significativamente no decorrer dos anos, de acordo com o MEC, devido as suas vantagens.

Entendendo que as instituições de ensino não tiveram tempo hábil para adequar seus processos e metodologias para tal transição, o SAE Digital também se reinventou para oferecer, em tempo recorde, todo o suporte necessário para as escolas continuarem a oferecer educação de qualidade.

Reunimos, criamos e disponibilizamos de maneira mais abrangente e ágil todas as nossas tecnologias educacionais, buscando atender a uma das competências da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que é usar a tecnologia no ambiente escolar a favor do aprendizado.

Dentre as ferramentas tecnológicas disponibilizadas, estão:

  • Livro Digital para acompanhamento das aulas.
  • Plataforma SAE Digital, que é o nosso ambiente virtual de aprendizagem.
  • Mecanismo de geração de relatórios para as escolas acompanharem o desempenho de alunos e professores.
  • Aplicativo de comunicação entre a escola e a família.
  • Aplicativo de Realidade Aumentada com conteúdos interativos e muito mais divertidos.
  • Escola Digital, uma central com videoaulas de todos os componentes curriculares para todos os anos do Ensino Fundamental e Ensino Médio.
  • Plataforma para realização de aulas ao vivo.
  • Plataforma para avaliações on-line.
  • Webinários para tirar dúvidas das escolas e ajudar na formação e no aprimoramento de gestores e professores.

E como o nosso compromisso é com a melhoria da educação no nosso país, nós manteremos todos os nossos aprendizados e ferramentas de pé, em funcionamento, mesmo após o fim da pandemia do COVID-19.

Quer saber como o SAE Digital pode ajudar sua escola no enfrentamento a crise?  Como a sua escola pode se destacar em tempos de pandemia?  Conheça os produtos e soluções educacionais  do Sistema de Ensino SAE Digital e fale com um dos nossos especialistas!

Como o SAE Digital pode ajudar a sua escola?

 

Não deixe de conferir  o Webinário “Quais são os recursos financeiros disponíveis para ajudar as escolas na crise?” realizado com Sergio Meirelles , Alamy Candido  e o Diretor Gustavo, no link abaixo:


Continue acompanhando as novidades sobre o assunto em nosso Blog, Instagram e Facebook. Nos conte nos comentários como este texto ajudou você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessos