Descubra o #LerEProduzir, o projeto de produção de texto do SAE Digital


O #LerEProduzir é o projeto de produção de texto do SAE Digital para estimular o desenvolvimento da habilidade de escrita, de modo que os alunos produzam textos com mais qualidade, voltada a todos os anos do Ensino Fundamental.

Esse projeto de produção de texto faz parte dos nossos materiais potencializadores, que oferecem conteúdos complementares para otimizar o processo de ensino e aprendizagem dos alunos do Ensino Fundamental.

O #LerEProduzir é uma solução digital que possibilita ao aluno exercitar todo o ciclo pedagógico da produção de textos, que envolve sete etapas: leitura, compreensão, planejamento, produção, correção, reescrita e publicação.

Dessa forma, os objetivos do #LerEProduzir são:

  • Conhecer e estudar os gêneros textuais de maneira aprofundada e contextualizada;
  • Trocar experiências e conhecimentos;
  • Exercitar a escrita;
  • Elaborar textos que atendam às características dos gêneros e cumpram sua função social por meio do compartilhamento.

Qual a importância do projeto de produção de texto #LerEProduzir?

Depois que a criança foi alfabetizada e aprendeu a ler, a próxima habilidade que precisa adquirir para dominar o uso da linguagem é a escrita, uma ferramenta fundamental, utilizada para comunicação e participação na sociedade letrada.

Como a escrita permeia todas as práticas sociais, a criança precisa desenvolver essa habilidade de maneira adequada para identificar seus diferentes usos sociais, por meio da prática e do exercício constantes.

A escrita é utilizada para transmitir informações, se comunicar e se expressar na sociedade letrada, com a produção de textos de diversos tipos e sentidos para participar e contribuir com a vida social.

A aprendizagem da Língua Portuguesa depende da efetiva atuação do estudante em práticas de linguagem que envolvem a leitura e a produção de textos escritos, habilidade exercitada com o #LerEProduzir.

O #LerEProduzir, o projeto de produção de texto do SAE Digital, também contribui com a promoção do letramento pleno, ou seja, o domínio da linguagem escrita e seu uso eficiente no contexto das práticas sociais, para se comunicar e produzir textos.

O letramento é um processo que possibilita o desenvolvimento de habilidades, comportamentos e práticas de uso do sistema convencional da escrita na produção e compreensão de textos inseridos nas práticas sociais, que envolvem a leitura e a escrita.

A habilidade de escrita é fundamental para a formação integral, pois todas as áreas dependem dela; assim, o #LerEProduzir ajuda a preparar os alunos para a redação do Enem e vestibulares.

Ademais, produzir textos vai além da simples escrita, uma vez que envolve a leitura, a interpretação, a compreensão e a reflexão dos assuntos, que podem ser publicados e compartilhados, levando informações e opiniões às pessoas.

Quando os alunos aprendem a se comunicar e a se expressar por meio da escrita, eles podem atuar na sociedade com a produção de textos e o compartilhamento de ideias e informações relevantes, ao compreender que a escrita é uma prática social importante para a transformação social.

As relações humanas são mediadas pela escrita, portanto, saber produzir textos é essencial para a vida acadêmica, profissional, pessoal e afetiva. Com o crescente uso dos canais digitais, a linguagem escrita também é fundamental para a comunicação em rede.

Tudo sobre o Ensino Religioso e a BNCC

#LerEProduzir e a BNCC

O #LerEProduzir, como um projeto de produção de texto, estimula a escrita, prática que faz parte das competências gerais preconizadas pela BNCC, que contempla a comunicação como habilidade básica que os alunos precisam desenvolver:

Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, bem como conhecimentos das linguagens artística, matemática e científica, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao entendimento mútuo.” (BNCC, 2018, p. 9).

Desde a Educação Infantil, as crianças precisam entrar em contato com a escrita, conforme os direitos de aprendizagem e de desenvolvimento previstos na BNCC para essa etapa:

“Explorar movimentos, gestos, sons, formas, texturas, cores, palavras, emoções, transformações, relacionamentos, histórias, objetos, elementos da natureza, na escola e fora dela, ampliando seus saberes sobre a cultura, em suas diversas modalidades: as artes, a escrita, a ciência e a tecnologia.” (p. 38).

No Ensino Fundamental, o #LerEProduzir amplia as habilidades da área de Linguagens, que compreende a escrita como mediadora das práticas sociais, que consistem na interação com os outros e consigo mesmo, tornando a criança um sujeito social.

Entre as competências da área de linguagens, a escrita se apresenta como forma de expressão e troca de informações:

Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao diálogo, à resolução de conflitos e à cooperação.” (p. 65).

No componente da Língua Portuguesa, a escrita e a produção de textos fazem parte das competências preconizadas pela BNCC, com as quais o #LerEProduzir contribui para o desenvolvimento:

Apropriar-se da linguagem escrita, reconhecendo-a como forma de interação nos diferentes campos de atuação da vida social e utilizando-a para ampliar suas possibilidades de participar da cultura letrada, de construir conhecimentos (inclusive escolares) e de se envolver com maior autonomia e protagonismo na vida social.” (p. 87).

Ler, escutar e produzir textos orais, escritos e multissemióticos que circulam em diferentes campos de atuação e mídias, com compreensão, autonomia, fluência e criticidade, de modo a se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos, e continuar aprendendo.” (p. 87).

O #LerEProduzir atende ao eixo “Produção de textos”, que estimula os alunos a produzir textos de diferentes gêneros textuais e compreende as práticas de linguagem relacionadas à interação e à autoria (individual ou coletiva) do texto escrito, oral e multissemiótico, com diferentes finalidades e projetos enunciativos […].” (p. 76).

A produção de textos compreende o uso e a reflexão sobre a escrita, a qual deve considerar as seguintes dimensões determinadas pela BNCC (p. 77-78), também promovidas pelo #LerEProduzir:

  • Consideração e reflexão sobre as condições de produção dos textos que regem a circulação de diferentes gêneros nas diferentes mídias e campos de atividade humana;
  • Dialogia e relação entre textos;
  • Alimentação temática;
  • Construção da textualidade;
  • Aspectos notacionais e gramaticais;
  • Estratégias de produção.

O #LerEProduzir é mais uma solução do SAE Digital para proporcionar educação de qualidade e formação integral dos alunos.

Quer promover a produção de textos em sua escola com o #LerEProduzir? Então fale com um assessor do SAE agora mesmo!

Catálogo 2023

Continue acompanhando nosso blog para se manter informado, ele é o maior portal de conteúdos de educação do Brasil! Visite também nossas redes sociais para acessar conteúdos exclusivos!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessos